Solahart Companhia História


História da Companhia

[Perfil de companhia] [Caracterização da Empresa] [Pesquisa & Desenvolvimento] [Água Quente Para toda a Vida]

Perfil da Companhia Solahart

A história da Solahart começou há muito tempo atrás, em 1901, quando dois canalizadores com espírito de iniciativa formaram uma companhia conhecida como S W Hart & Co, Canalizadores e Serralheiros, em Perth, na Austrália Ocidental. O negócio principal naquele tempo era a fabricação de tanques, banheiras, caleiras, e pias para os pioneiros do Oeste.

Perth prosperou, e o mesmo fez a S W Hart, numa gama de especializações, concentrando-se na zincagem e na fabricação de artigos em chapa metálica.

Em 1953 a companhia transformou-se numa corporação, e a S W Hart & Co assumiu o compromisso a longo prazo de abastecer o mercado australiano e os mercados internacionais com produtos especializados de alta qualidade como sistemas solares de água quente. Nesse ano a companhia começou a fabricar e a comercializar sistemas Solahart de água quente. Na Austrália, o nome Solahart depressa se tornou conhecido no mercado doméstico como o líder dos sistemas solares de água quente ganhando rapidamente o reconhecimento da indústria.

Inicialmente, em 1953, a S W Hart & Co fabricava cilindros de armazenamento para serem usados com os colectores solares fabricados pela firma F.C.Korwill da Austrália Ocidental. Em comparação com os aerodinâmicos sistemas actuais de baixo perfil, o sistema solar Korwill de água quente não era elegante, mas funcionava, e funcionava bem; de facto muitos ainda estão hoje a funcionar.

O sistema utilizava o princípio do 'termo-sifão', tal como os sistemas Solahart actuais. A água passa através dos painéis colectores solares, e depois de ser aquecida pela radiação solar a água sobe para o cilindro de armazenamento isolado.

O sistema atraiu uma clientela dedicada, e mantiveram-se vendas regulares até meados dos anos 1960.

Em 1964 a companhia concebeu, fabricou e instalou dois dos maiores sistemas solares de água quente no hemisfério sul, instalados no noroeste australiano, que forneciam água quente para 140 pessoas. Assim por meados dos anos '60 a companhia tinha tornado a água quente solar uma alternativa bem estabelecida e viável para aplicações domésticas e comerciais.

O Solahart 300L (80GE no E.U.A.) assegurou a difusão dos produtos Solahart em todo o mundo, assegurando a sua aceitação nos Estados Unidos, Médio Oriente, Sudoeste Asiático e Europa. A Solahart estabeleceu a sua própria rede internacional de vendas e serviços técnicos exportando actualmente para mais de 70 países em todo o mundo.

Em 1979 a Shell Austrália adquiriu aos empregados de S W Hart & Co uma quota de 50% e em 1984 o Grupo James Hardie Industry, uma das maiores companhias da Austrália adquiriu os remanescentes 50 por cento da S W Hart & Co aos empregados.

A James Hardie Industries Limited adquiriu a quota da Shell em 1987, alcançando a posse de 100% da Solahart. Pouco depois, o nome S W Hart & Co foi mudado para Hardie Energy Products, reflectindo a associação da companhia a produtos energeticamente eficientes.

Em Outubro de 1994 escreveu-se um outro capítulo da história da Solahart quando o negócio foi adquirido pela firma Johan Holdings, um grupo diversificado operando nas áreas de fabricação e dos investimentos, o nome mudou para Solahart Industries Pty Ltd.

A Johan Holdings iniciara as suas actividades em 1920 com o nome de Johan Tin Dredging Ltd. Foi inscrita na Bolsa de Valores de Kuala Lumpur em 1973 e as sua actividades mineiras de estanho cessaram em 1979. O seu nome foi mais tarde mudado para Johan Holdings Berhad.

O grupo Johan está envolvido fundamentalmente nas seguintes áreas:

  1. Fabricação de azulejos cerâmicos para casas de banho, contadores de água e produtos estampados a quente;

  2. Comercialização e distribuição de equipamento de engenharia industrial, alimentos dietéticos e veículos motorizados;

  3. Negócio de Investimentos, gestão e serviços de secretaria;

  4. Operações com cartões, agência de viagens, férias e negócios relacionados;

  5. Desenvolvimento e investimento de propriedades.

Hoje em dia a Johan Holdings controla mais de 70 companhias que empregam cerca de 2000 pessoas. O Grupo opera na Malásia, Singapura, Austrália, Hong Kong e Reino Unido. A Johan Holdings trouxe uma enorme experiência, força e capital à Solahart Industries Pty Ltd.




Caracterização da Empresa

A Solahart é o líder dos fabricantes mundiais de sistemas solares de água quente para aplicações residenciais e comerciais.

Usando tecnologia pioneira da Austrália Ocidental há mais de 40 anos, a companhia cresceu cada vez com mais vigor e é actualmente o líder incontestado de mercado na Austrália e opera em mais de 70 países em todo o mundo com uma força de trabalho de cerca de 150 empregados na Austrália e no mundo.

A instalação industrial da Solahart está localizada em 3,2 hectares de solo industrial de primeira qualidade em Welshpool na Austrália Ocidental.

O local acomoda a fábrica, escritórios de vendas internacionais e nacionais, armazém nacional e instalações de pesquisa e desenvolvimento.

O processo industrial envolve a fabricação de produtos metálicos usando um conjunto de processos que inclui a estampagem, soldadura, limpeza a jacto de areia, esmaltagem, metalização, controlo de qualidade e embalagem.

A companhia concentrou a sua actividade nos sistemas passivos ou de termo-sifão e na concepção de sistema fechado de que fora pioneira nos anos 60.

Em meados dos anos 70, a Solahart investiu capitais significativos na fábrica para produção dum tanque de aço macio, revestido com esmalte vítreo, para o seu aquecedor solar de água. O produto resultante, o 240L (e o seu sucessor, o 300L) proporcionaram à companhia uma importante vantagem competitiva; o novo produto oferecia durabilidade e vantagens no custo dos materiais sobre os sistemas convencionais com tanque de cobre, bronze e aço inoxidável nessa altura disponíveis.

Os aquecedores solares de água têm tradicionalmente elevadas taxas de avaria em áreas susceptíveis de congelação ou de água de má qualidade. No final dos anos 70 a Solahart começou a desenvolver aquecedor solar de água, de circuito fechado e termo-sifão, o 300LJ - um conceito que foi patenteado posteriormente.

Em 1980 Solahart tomou a decisão de comercializar o 300LJ e embarcou na primeira de uma série de grandes projectos de investimento de capital que resultaram nos actuais modelos das séries 302J e 302K.

O 302K, o 'Milagre do Crómio Negro' incorpora uma gama de características inovadoras que se combinam para formar um dos aquecedores solares de água do mundo com mais elevado rendimento, maior fiabilidade e custo mais vantajoso. O funcionamento deste modelo está bem adaptado aos climas frios da Europa, Ásia Setentrional e América do Norte.

O 302J oferece uma alternativa mais económica em relação ao 302K na sua utilização em climas mais temperados, incorporando a mesma tecnologia de circuito fechado que o 302K, mas utilizando uma superfície absorvedora pintada de negro.

A Solahart oferece também uma gama de aquecedores solares de água do tipo convencional de tubo e alheta e de circuito aberto, a série 302L para as aplicações em que não se verifique congelação e a água não seja de má qualidade.

Os processos de fabricação da Solahart foram certificados como estando de acordo com as normas de Controlo de Qualidade ISO 9001/AS3901 desde 1991 e com a Norma Industrial Japonesa desde 1985.

Os esquemas de controlo de qualidade estão integrados no negócio e são uma parte integrante dos sistemas de gestão do processo.

A Solahart alcançou sucesso no mercado fornecendo uma clientela que vai desde proprietários de residências particulares até a grandes empresas e clientes institucionais. Algumas das aplicações menos vulgares incluíram a instalação de mais de 1.300 unidades Solahart num desenvolvimento urbanístico na província de Queensland, o fornecimento de água quente solar à remota base militar de Exmouth na parte norte da Austrália Ocidental, e o abastecimento de água quente solar aos atletas Olímpicos na Universidade Coreana de Desportos.

As perspectivas de crescimento dos mercados internacionais de água quente solar são fortes. É de esperar que o efeito combinado do aumento da riqueza e dos níveis de vida em todo o Nordeste e Sueste da Ásia e as iniciativas de política de protecção ambiental na Europa e nos Estados Unidos possam resultar em condições de mercado em melhoria continuada.

A Solahart está bem colocada para poder tirar vantagem destas condições de progresso.




Pesquisa e Desenvolvimento

O impulso que está por trás da história da Solahart é o domínio da energia solar nas suas múltiplas formas e o seu fornecimento a um mundo desesperado por obter fontes alternativas de energia.

Ser reconhecida como um líder no mercado doméstico da água quente solar é um feito importante, mas a companhia está bem consciente da necessidade de ser um inovador neste campo, e está continuamente procurando afinar e melhorar os seus produtos. Este compromisso de excelência e inovação leva a Solahart a dispender milhões de dólares em maquinaria e equipamento sofisticados.

A companhia tem uma equipa dinâmica de pesquisa e desenvolvimento que controla e ensaia as suas unidades sob todas as condições climáticas, durante todo o ano. Foi responsável pelo desenvolvimento do sistema revolucionário de circuito fechado que teve um enorme sucesso em países como a Coreia, onde a temperatura pode atingir máximos superiores a 35 graus centígrados e chegar a um mínimos enregelantes de menos 30 graus. Nenhuma outra unidade foi capaz de fazer face a tais condições de temperatura.

Dependendo do uso e do local, a energia solar pode economizar até 80% ou mais dos custos de água quente de uma residência familiar.

Com a atenção mundial focalizada nos problemas ligados aos recursos restritos de energia e à protecção ambiental, há um interesse enorme dos governos, organizações e indivíduos em tirar partido da energia solar.

A Solahart tem nomeado, desde 1978, agentes e distribuidores em muitos países e tem sistemas instalados em mais de 70. A Solahart fornece apoio e treino, em áreas de especialização quer técnica quer comercial, à rede global de agentes.

Os sistemas solares Solahart de água quente são agora uma visão vulgar em muitos países em todo o mundo, incluindo os Estados Unidos, Coreia, Espanha, Portugal, Itália, Holanda, Alemanha, Dinamarca, Papua-Nova Guiné, Nova Zelândia, Malásia, Indonésia e Tailândia.

A dinâmica actividade externa da companhia conduziu ao reconhecimento oficial do governo com a concessão dum Prémio de Dedicação à Exportação e dum Prémio de Espírito Empreendedor.

A Solahart continua fazendo grandes investidas nos mercados do norte da Europa e dos Estados Unidos onde a legislação ambiental e uma forte sensibilidade da comunidade pelo desenvolvimento sustentado fazem do aquecimento solar da água a escolha óbvia.

Por volta do ano 2000 uma proporção significativa das necessidades energéticas de muitos países será fornecida pela energia solar e a Solahart será um contribuinte importante nesse campo.




Água quente Para Toda a Vida

Com mais de 40 anos de experiência na concepção, fabricação e comercialização de equipamento de energia solar, a Solahart tem aquela experiência adicional que a sua vantagem competitiva, no campo técnico, sobre os outros sistemas de água quente, lhe proporciona.

Quando se usa um sistema Solahart de água quente, conseguem-se até 80% de economia nas facturas do aquecimento de água. E não é só dinheiro que se economiza. A utilização dum sistema Solahart irá também ajudar a poupar o precioso ambiente terrestre, porque os sistemas Solahart usam a maior fonte natural gratuita de aquecimento conhecida pelo homem - o Sol.

Isto faz do aquecimento solar um vencedor natural, porque quando se usa um sistema Solahart reduz-se a poluição causada pela queima dos combustíveis fósseis tais como o petróleo, gás, coque ou carvão e não se contribui para o Efeito de Estufa que destrói a camada protectora natural da terra e a camada do Ozone. A economia de electricidade significa muito menos CO2 libertado para o ar. A electricidade economizada por uma família de quatro pessoas, ao usar um sistema solar Solahart de água quente, pode reduzir a quantidade de CO2 libertada no ar em mais de 3 toneladas por ano. A Solahart abastece água quente durante todo o ano, a maior parte da qual fornecida gratuitamente pelo sol.

A Solahart aperfeiçoou um sistema de absorção, transferência e armazenamento de calor que é o melhor que se pode adquirir no mercado.

As características de alto rendimento do sistema Multi-fluxo de Crómio Negro da Solahart fazem com que ele possa operar eficazmente em regiões que antigamente se consideravam à margem da utilização da energia solar. A concepção exclusiva da Solahart de transferência de calor incorpora o Colector Multi-fluxo de Crómio Negro, com características do produto não disponíveis em sistemas de água quente menos sofisticados. O sistema de circuito fechado tem todo ele protecção hermética contra o congelamento e contra a corrosão e entupimento que de outro modo poderiam ocorrer com sistemas convencionais em regiões de água dura.

O tanque de armazenagem de 300 litros é duplamente esmaltado com esmalte vítreo e o sistema incorpora também um aquecedor de imersão controlado termostaticamente ou um queimador de gás que garante um abastecimento de água quente, até mesmo nas mais adversas situações de irradiação solar. O sistema pode também ser usado para para aquecer sistemas de água quente, e está disponível com tanques com as capacidades de 180 e 150 litros.

Em mais de 70 países em todo o mundo, centenas de milhares de lares reconheceram as vantagens dos sistemas de água quente Solahart, que se pagam a si mesmos através das economias que proporcionam.

Juntamente com as poupanças no custo da energia, a Solahart oferece uma garantia abrangente em todos os seus sistemas de água quente, comprovando que o sistema Solahart é o aquecedor de água solar mais avançado e seguro disponível no mercado.